A análise dos votos dos 10 deputados federais piauienses para aceitar ou não a abertura de ação penal contra o presidente Michel Temer está muito gelatinosa. O petista Assis Carvalho e Rodrigo Martins (PSB) já declararam que votarão favorável a autorização para o Supremo Tribunal Federal (STF) julgar o presidente do Brasil. O deputado federal Assis Carvalho (PT) pretende conversar com todos os colegas piauienses da Câmara Federal para saber qual vai ser o posicionamento. Ele já deixou claro que se os dois deputados-suplentes lhes informarem que votam Pró-Temer, Assis Carvalho vai convidar os parlamentares federais licenciados, Rejane Dias (PT) e Fábio Abreu (PTB), para retornarem à Brasília.

Responder