O cardeal George Pell, responsável pelas Finanças do Vaticano, foi acusado de vários abusos sexuais contra meninos na Austrália,segundo anunciou a policia australiana. A Policia de Victoria acusa George Pell de delitos de abuso sexual , cometidos no passado, declarou o comissário adjunto Shane Patton a imprensa. O cardeal nega as acusações.
Patton afirmó que o cardeal, de 76 anos foi citados em sérias acusações e terá que comparecer diante da Corte de Magistrados de Melbourne no dia 18 de julho. Patton não quis responder as perguntas dos jornalistas, alegando a necessidade de preservar a integridade do processo judicial.

Por Patricia Cassemiro

 

Responder