O Parlamento da Alemanha aprovou nesta sexta (30) o casamento entre pessoas do mesmo sexo, depois de uma importante inflexão política da chanceler, Angela Merkel. Foram 393 votos a favor e 226 contra. Em votação emotiva, legisladores celebraram a vitória com jatos de confete.

A velocidade do processo, proposto e votado em poucos dias, surpreendeu o país. A união homossexual era um dos temas das eleições de 24 de setembro, unindo os partidos de oposição.

Havia um acordo entre o partido de Merkel, a conservadora CDU (União Democrata-Cristã), e o SPD (Partido Social-Democrata) para que a questão não fosse levada ao Parlamento antes do pleito de setembro.

Por Patrícia Cassemiro

Responder