O conselheiro substituto do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI), Alisson Felipe de Araújo, declarou que aquela Corte realiza, às vezes, interesses políticos. Ouvir uma declaração, como esta, de um membro do TCE piauiense , força o cidadão a imaginar o que o conselheiro substituto Alisson Araújo quis de fato afirmar. E se o tribunal atende interesses políticos, é preciso se saber que interesses? Quem defende? E de quem defende?

Responder