Parlamentar alerta a população para ficar vigilante

O Deputado Evaldo Gomes (PTC) comentou nesta quarta-feira (12) a Operação Itaorna, desenvolvida pelo Ministério Público do Estado do Piauí, por meio da 44ª Promotoria de Justiça de Teresina, em conjunto com o Tribunal de Contas do Estado, Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado no Piauí e Polícia Rodoviária Federal, visando dar cumprimento a mandados de busca e apreensão para coibir a prática de fraudes em licitações.

A operação envolveu o cumprimento dos mandados junto a Secretaria de Turismo, Secretaria de Desenvolvimento Rural, Instituto de Desenvolvimento do Piauí – IDEPI, Coordenadorias de Desenvolvimento Social e Lazer, Coordenadoria de Combate à Pobreza Rural e Construtora Crescer, nas quais foram apreendidos computadores, notebooks, pen drives, HDs externos, celulares e documentos relacionados a procedimentos licitatórios.O mandados foram expedidos pelo Juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública de Teresina.

Para o deputado, a situação é delicada e requer cautela. “É uma situação preocupante, mas é necessário esperar que a investigação seja concluída para saber se de fato os acusados são inocentes ou culpados. Esse processo de fiscalização, conferido pelo poder investigatório do Ministério Público, se deu em âmbito nacional e agora chega aos estados. No entanto, é preciso a população ficar atenta. Há um sentimento hoje da população ser o fiscal das instituições públicas, então é preciso que ela fique vigilante, porque onde há fumaça há fogo “, afirma Evaldo Gomes.

fonte;ParçamentoPaui

Responder