A correria é grande, parece que 24 horas não é o bastante, é como se o sistema nos fizesse agir como um robô, estamos sempre no automático e isso vai causando um estrago interno enorme, o coração vai cansando, a mente vai fadigando, o prazer pelas coisas vai sumindo e você só quer sua cama no fim do dia para deitar e “apagar”. Porém, mesmo não sendo um aparelho tecnológico, o seu coração precisa recarregar a bateria, e não é colocar em uma tomada não, é um recarrego diferente. As vezes a recarga começa com um descarrego, contraditório, né? Mas é isso mesmo, para recarregar esse teu coração cansado você terá que extravasar todos esses gritos que você aprisionou dentro do peito. Vai ter que deixar essas lágrimas rolarem sim, vai precisar se desconectar do mundo e se conectar com Deus, vai ter que cuidar desses ferimentos que você fez questão de esconder atrás desse sorriso que as pessoas tanto elogiam.
Ei, você não é um robô não, aí dentro tem um velho coração que de vez em quando vai te lembrar que o mundo o cansou e que ele precisa respirar, se fortalecer para  seguir. Você melhor do que ninguém conhece suas dores, seus desafios, mas olha, não faz bem correr tanto e não cuidar de si mesmo . Uma hora teu coração vai pedi uma pausa, e ele está certo, é ele que é ferido todos os dias, ele acumula angústias e preocupações, ele que as vezes continua batendo literalmente, mas tem apanhado muito da vida, e ele precisa de cuidados para que você viva vem. Pare um pouco, recarregue a bateria do seu coração, e essa recarga não está na tomada. Ele está no Céu, em Deus, lugar de paz para teu lindo coração. Se cuide!

Por Ana Júlia

Responder